Prefeitura de SP divulga ações internacionais de enfrentamento da Covid-19

Inúmeros têm sido os desafios enfrentados por governos do mundo todo no combate à pandemia do novo coronavírus (Sars-Cov-2). O maior deles, provavelmente, refere-se à velocidade de propagação da Covid-19, o que gerou a necessidade de medidas de contingência urgentes, entre as quais, as políticas de distanciamento social, o fechamento de fronteiras e a interrupção das atividades em diversos países. No entanto, outras questões surgiram: aumento do desemprego, perda da renda dos trabalhadores autônomos, falta de leitos nos hospitais, serviço funerário altamente demandado, etc. Isso sem contar, a ameaça de uma recessão global.

Diante da magnitude da crise gerada pela Covid-19, governantes de diversos países estão se unindo para encontrar uma solução capaz de mitigar seus efeitos. Uma das formas de contribuição é, sem dúvida, divulgar suas ações com o intuito de impedir que erros sejam cometidos por outros e boas práticas sejam replicadas em demais locais. Seguindo a mesma premissa, a área de Relações Internacionais da Prefeitura de São Paulo tem feito um levantamento semanal de tudo o que está sendo feito pelos governos internacionais que podem somar-se às medidas de contenção que já estão sendo aplicadas na cidade de São Paulo.

A equipe de Relações Internacionais tem realizado esse trabalho desde o início de março, quando a Organização Mundial da Saúde (OMS) decretou o estado de pandemia mundial pelo novo coronavírus. O informativo é publicado no site da prefeitura e também enviado para alguns órgãos. A Câmara de Comércio Eslovênia – Brasil (Slobraz) tem recebido o documento que traz a atualização dos números da Covid-19 na cidade, assim como informações sobre as ações de enfrentamento realizadas pela prefeitura.

No arquivo disponibilizado por um link, há ainda um relatório mais detalhado do que está sendo feito em diversos países quanto à criação de hospitais de campanha, atendimento da população em situação de vulnerabilidade, disponibilização de testes para a população, acolhimento de mulheres e crianças em casos de violência, além de medidas referentes à educação e transporte, só para citar alguns.

A publicação mais recente é do último dia 20, com a notícia sobre a prorrogação da quarentena até o dia 10 de maio, assim como a atualização de dados da Covid-19, que até aquela data contava com mais de 10 mil casos confirmados e cerca de 807 óbitos na cidade de São Paulo. A ideia para o acompanhamento do que outros países estavam fazendo para o combate ao vírus foi recomendação do prefeito Bruno Covas, que declarou:

“O tempo é de mudanças e solidariedade. O combate ao coronavírus é um desafio mundial e nossas principais armas são a ciência, a informação correta e a responsabilidade social. O momento exige união. Em São Paulo, estamos enfrentando a Covid-19 com muita seriedade e transparência. Nosso esforço está voltado para que o vírus tenha a maior dificuldade de se alastrar e contaminar muita gente ao mesmo tempo. Eu acredito no espírito solidário, criativo e empreendedor de São Paulo”.

Caso queira acompanhar o informativo, basta acessar o site da prefeitura de São Paulo. O link da mais recente publicação segue abaixo:

https://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/relacoes_internacionais/noticias/?p=296531

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *